segunda-feira, julho 15, 2024
spot_img

Nissan diz que não descarta uma versão eletrificada do GT-R


source
Nissan GT-R na versão conceitual de 50 anos do modelo pode servir de base para a nova geração
Divulgação

Nissan GT-R na versão conceitual de 50 anos do modelo pode servir de base para a nova geração

A Nissan confirma que o carro-chefe da marca, o GT-R, receberá eventualmente uma motorização eletrificada. O diretor de operações da Nissan, Ashwani Gupta, concedeu entrevista ao portal Top Gear e confirmou a informação, porém, a fabricante acredita que ainda não é a hora.

Apesar de outras fabricantes tradicionais já desenvolverem esportivos elétricos, Gupta e Nissan acreditam que a tecnologia atual não é o suficiente para manter o legado do GT-R ou até mesmo da renovada linha Z.

“No momento, quando fazemos simulações para eletrificar esses veículos, não encontramos a tecnologia ideal para definir o que é ‘Z’ e o que é ‘GT-R’. Porque não são apenas carros, é nossa cultura”, disse Gupta ao site da Top Gear.

Ao contrário da linha Z  que retornou ao mercado recentemente, a atual geração do GT-R R35 , se aproxima do final de sua vida. No mercado por quase 15 anos, o modelo foi descontinuado na Europa por não se enquadrar à regulamentação sonora europeia.

No Japão e Estados Unidos, o GT-R sobrevive com ajuda de edições especiais como a T-Spec engineered by Nismo, entretanto, caminha para o fim de produção, já que a linha 2022 foi lançada somente no Japão, e os pedidos foram encerrados no último mês de maio.

Caso a Nissan apresente a geração R36 do GT-R , é esperado uma versão híbrida leve, auxiliando motor a combustão em momentos de baixa velocidade, e quando necessário, garantir bom desempenho.

Caso a versão elétrica um dia chegue, é esperada que seja somente na geração R37 , já que é provável que a Nissan desenvolva uma plataforma tão longeva como é a da atual geração, lançada em 2007.

Recentemente a Nissan firmou uma parceria com a Universidade de Oxford, no Reino Unido, para pesquisa e desenvolvimento de baterias e outras tecnologias elétricas.

Além disso, a Nissan investiu o equivalente a R$ 6,3 bilhões na construção de uma megafábrica em Sunderland, Inglaterra, que deverá ficar pronta no final da década.

Fonte: IG CARROS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Após tragédia no Shopping Popular, presidente Lula garante ajuda para reconstrução da vida de 600 famílias

Mediante a tragédia que transformou em cinzas os sonhos de mais de 600 famílias, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, garantiu...

FICCO/MG e FICCO/MS prendem homem foragido por estelionato e ameaça

Uberlândia/MG. A FICCO/MG e FICCO/MS prenderam nesta segunda-feira, 15/7, na cidade de Campo Grande/MS, um homem foragido da Justiça por estelionato e ameaça. Investigações, troca...

Pacheco recebe presidente da Itália em visita oficial

O presidente da Itália, Sergio Mattarella, foi recebido nesta segunda-feira (15), pelo presidente do Senado e do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco. Os dois conversaram...

Uso do vale-cultura para atividades esportivas está na pauta do Plenário

O vale-cultura poderá ser utilizado para eventos esportivos, além das atividades culturais. É o que prevê o PL 5.979/2019, da Câmara dos Deputados e...