quinta-feira, fevereiro 22, 2024
spot_img

Mitos e verdades sobre alongamento de unhas

Mitos e Verdades sobre alongamento de unhas: nail designer referência no Brasil esclarece as principais dúvidas sobre o procedimento
Divulgação

Mitos e Verdades sobre alongamento de unhas: nail designer referência no Brasil esclarece as principais dúvidas sobre o procedimento

O mundo da beleza e dos cuidados pessoais está sempre em constante evolução, e uma das principais tendências no mundo das unhas é o alongamento com fibra de vidro. A possibilidade de ter unhas perfeitas por mais de três semanas, com pouca manutenção, atrai cada vez um número maior de mulheres. No entanto, muitas dúvidas surgem antes do procedimento.

Carol Velten, uma das pioneiras na prática e principal referência no segmento de alongamento com fibra de vidro no Brasil, esclarece os 10 principais mitos e verdades, mas já adianta: “O alongamento de unhas e a esmaltação em gel são procedimentos estéticos, que precisam ser feitos com uma pessoa qualificada, com boas referências, com um trabalho de excelência. Uma vez que a cliente encontra uma profissional confiável, não tem motivo pra ter medo”.

Verdades

– Unha de fibra de vidro é diferente de unha postiça.

A unha de fibra de vidro é uma técnica de alongamento que envolve a aplicação de fibras de vidro sobre as unhas naturais, enquanto as unhas postiças são peças pré-fabricadas que são coladas sobre as unhas naturais. A fibra de vidro oferece maior naturalidade e durabilidade.

– Com a fibra de vidro, posso ter unhas bonitas por mais tempo.

A fibra de vidro é altamente resistente e permite que as unhas fiquem bonitas por semanas, com a manutenção adequada. Isso a torna uma ótima opção para a rotina corrida da maioria das mulheres.

– A fibra de vidro ajuda a corrigir pequenas imperfeições e mudar o formato da unha.

A aplicação de fibra de vidro é uma técnica versátil que pode ser usada para corrigir unhas quebradiças, desiguais ou até mesmo para criar formatos de unhas desejados. Ela permite um nível de personalização que nem sempre é possível em outras técnicas extensoras e que não é possível também na técnica de manicure tradicional.

– Alongamentos de unha necessitam de manutenção após a colocação.

Para manter as unhas alongadas bonitas e saudáveis, a manutenção regular é essencial. Essa manutenção geralmente acontece com intervalos entre 20 e 30 dias. Dessa forma a nail designer vai poder acompanhar o crescimento da sua unha natural e fazer ajustes necessários, além de observar sempre a saúde das unhas.

– É necessário procurar uma profissional capacitada para realizar o procedimento.

Essa é mais uma verdade sobre os alongamentos de unhas e uma das mais importantes. Uma profissional capacitada, com treinamentos de qualidade e busca pela excelência faz toda a diferença no resultado final das unhas. Já uma profissional sem experiência ou sem a formação adequada pode cometer pequenos erros, como fissuras na estrutura da unha, que podem acumular umidade, o que pode causar prejuízos para a saúde da unha natural.

Mitos

– É possível tirar o alongamento de unha em casa.

Remover um alongamento de unha em casa pode danificar gravemente as unhas naturais. É recomendável que a remoção seja feita por um profissional qualificado para evitar danos.

– Você não pode fazer atividades diárias com unhas de gel.

Unhas de gel são duráveis e resistentes, permitindo que você realize atividades diárias normalmente.

– Unha de gel não permite que a unha respire.

As unhas não respiram, esse é um mito muito comum. A verdade é que a placa (ou lâmina) ungueal, que é a parte dura da unha, é um revestimento de queratina dura, que não têm vasos sanguíneos ou sistema de circulação de ar. Até mesmo por isso que não sentimos dor ao cortar a unha, porque ela é um tecido morto.

– Unhas de gel são dolorosas de fazer.

O processo correto de aplicação de unhas de gel não deve ser doloroso. Qualquer desconforto, quando acontece, geralmente é mínimo e temporário. Se você sentir dor durante a aplicação, é importante informar o profissional para ajustar o processo.

– As unhas de gel podem destruir as unhas naturais.

Quando aplicadas e removidas corretamente, as unhas de gel não devem causar danos às unhas naturais. O problema geralmente ocorre quando as unhas são retiradas de forma inadequada, por uma profissional que não tem o conhecimento correto da técnica.

Qualificação

Carol Velten lembra que é fundamental escolher um profissional qualificado e seguir os cuidados recomendados para garantir resultados de excelência e sem comprometer a saúde das unhas naturais. Em seu curso, “Formação Poder da Fibra”, Velten já formou mais de 10 mil alunas, em todo Brasil e no exterior, com técnicas e os fundamentos da profissão de Nail Designer.

Além disso, o método também ensina conceitos poderosos de empreendedorismo, estratégias de fidelização de clientes, marketing, técnicas de venda e precificação, além de gestão financeira e organização do negócio. Segundo a especialista, o curso serve tanto para quem já trabalha como manicure e quer se aperfeiçoar e oferecer mais opções para as clientes, quanto para quem não tem experiência e precisa começar do zero.

Saiba mais sobre moda, beleza e relacionamento. Confira as notícias do iG Delas!

Fonte: Mulher

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Dia do rotaractiano recebe apoio em audiência da CE

A Comissão de Educação e Cultura (CE) realizou audiência pública nesta quinta-feira (22) para debater o dia 13 de março como o marco nacional...

Governador cumpre agenda em Colíder e Alta Floresta nesta sexta-feira (23)

O governador Mauro Mendes estará em Colíder e Alta Floresta nesta sexta-feira (23.02). A agenda tem início às 9h30, em Colíder, com uma...

Após reunião de líderes, relator confirma votação do Código Eleitoral até junho

O Senado deve votar no primeiro semestre deste ano o projeto de lei complementar (PLP) 112/2021, que institui o novo Código Eleitoral. A anúncio...

Debatedores defendem PEC para ampliar força dos projetos de iniciativa popular

Em audiência pública nesta quinta-feira (22) na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), debatedores apoiaram a ampliação da força dos projetos de...