quinta-feira, junho 20, 2024
spot_img

Executivo e Legislativo debatem estruturação do Parque Tecnol…


Ari pontua que neste ano a estruturação e desenvolvimento do Parque Tecnológico é uma das prioridades da Administração Municipal. “Ainda nas primeiras sessões do Legislativo vamos enviar um projeto de lei detalhando melhor como será o gerenciamento e organização do Parque; para isso, já estamos adiantando o debate com o Legislativo”, explica o prefeito.

O Parque Tecnológico está centrado em uma área de 100 hectares, adquirida pela Prefeitura de Sorriso para alocar laboratórios e campos experimentais tendo como foco a área agroalimentar. A intenção é trabalhar com tecnologia da informação, incluindo agricultura de precisão. Entre os destaques, a área abrigará a instalação de laboratórios de pesquisa e campos de teste com plantio de gêneros agrícolas melhorados. É avaliada também a possibilidade de ao menos sete grandes empresas instaladas em Sorriso migrarem suas atividades para o empreendimento. Há ainda o interesse prévio do local servir de base para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso (IFMT) e a Faculdade Mato-Grossense (Facem). O local vem sendo planejado desde 2013.

E, pensando em parcerias futuras e atuais, o Município já realiza um trabalho em conjunto com instituições como o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso (IFMT) e os Sistema S: Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai); Serviço Social do Comércio (Sesc); Serviço Social da Indústria (Sesi); Serviço Nacional de Aprendizagem do Comércio (Senac) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Ari frisa que a documentação do Parque está pronta, necessitando de investimentos para o start inicial. Tendo em vista a necessidade de investimentos, ainda no ano passado os gestores municipais visitaram os Ministérios de Ciência e Tecnologia e de Agricultura, pecuária e Abastecimento para detalhar o projeto. Também em 2021, uma comitiva visitou o Parque Tecnológico de Piracicaba (SP) para entender melhor o modelo de gerenciamento do espaço.

Conforme o prefeito, vale lembrar que Sorriso constantemente recebe comitivas de empresários internacionais com interesse de investimentos no Brasil. “Além disso, Sorriso é mundialmente famoso como o Município que mais produz soja no mundo. Dadas essas situações acreditamos que o investimento em pesquisa e educação se faz extremamente necessário, especificamente em um local onde agricultura, desenvolvimento tecnológico e preservação ambiental andam lado a lado”, finaliza o gestor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rede de Frente premia vencedores de Mostra Estudantil nesta sexta

Os vencedores da Mostra Estudantil de Arte 2024, com o tema “Meu corpo, minha voz, meu direito”, realizada nos municípios de Barra do Garças...

Emanuel Pinheiro lamenta venda de vagões do VLT à gestão da Bahia e questiona “por que o modal não ‘serve’ para a capital?”

“O dia 19 de junho é marcado por uma tristeza profunda para a nossa capital e também para a cidade de Várzea Grande. Mesmo...

CGE realiza evento em alusão aos 45 anos do órgão e lança documentário sobre Lei Anticorrupção

A Controladoria Geral do Estado (CGE) está com inscrições abertas para o 1º Encontro Estadual de Controle Interno de Mato Grosso, que será realizado...

31 piadas horríveis e sem graças que acabam arrancando sorriso

Foto: Reprodução 31 piadas horríveis e sem graças que acabam arrancando sorriso Essa é uma coleção peculiar que desafia a lógica do...