quarta-feira, julho 17, 2024
spot_img

Bolsonaro ataca o PT, FHC e STF em discurso no Nordeste


source
Jair Bolsonaro
Reprodução

Jair Bolsonaro

Sob pressão das pesquisas de intenção de voto, o presidente Jair Bolsonaro discursou em tom de campanha nesta quarta-feira em Jucurutu e Jardim de Piranhas, municípios do Rio Grande do Norte. Ele distribuiu ataques ao PT, ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e ao Poder Judiciário, chamando os petistas, por exemplo, de canalhas e dizendo que país não tem futuro com a volta deles ao poder. Disse também que “os ladrões querem voltar” na eleição de outubro.

Bolsonaro está em viagem pelo Nordeste — região onde é mais fraco e onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que lidera as pesquisas, é mais forte — para visitar obras da transposição do rio São Francisco. Ele bateu principalmente na tecla do combate à corrupção, afirmando que irregularidades nas gestões petistas causaram desvios trilionários.

— Tem gente que tem saudade desses canalhas! Não é só o povo nordestino que sofre, todo mundo sofre no Brasil. Em consequência desses canalhas. Os números estão aí. Não estou alfinetando nem criticando ninguém. Estou mostrando — disse Bolsonaro em Jucurutu, onde visitou a barragem de Oiticica, que faz parte da transposição.

Após citar um contrato anterior ao seu governo, sugerindo que haveria irregularidade, Bolsonaro falou alguns palavrões e depois fez uma referência a Fernando Henrique.

— Desculpa o palavrão aqui. Este era o Brasil. E alguns falam ‘o presidente é mal educado, fala palavrão’. Mas eu não roubo! Eu devo lealdade a vocês. Ah ‘o presidente é grosso, falou palavrão’. Quantos porcarias me antecederam que falavam bonito? Até aquele que falava [assim] — disse Bolsonaro, imitando depois o modo de falar de Fernando Henrique, e acrescentando em seguida:

Leia Também

— Lembram? Era roubalheira o tempo todo. O que nós queremos para o Brasil, a não ser fazer a coisa certa? Querem botar um fala mansa lá? Botem. Quem vai pagar a conta? Vocês.

Sem citar nome, ele fez uma referência aos R$ 51 milhões descobertos no apartamento de Geddel Vieira Lima (MDB), que foi ministro nos governos Lula e Michel Temer (MDB).

— Aqueles 50 milhões no apartamento de um companheiro. De onde veio? Foi a fada madrinha que botou lá? Ele foi ao final do arco-íris e achou caixa de dinheiro e levou para o apartamento? Completamos três anos sem corrupção. Vocês lembram naquele período vermelho do Brasil, as televisões mostrando dutos com dinheiro saindo. Quem não se lembra? Vocês querem a volta disso? Costumo dizer: se um dai aparecer corrupção em algum ministério e banco oficial nosso, vamos apurar, colaborar com a apuração. Pode acontecer. Ninguém está livre disso. Até em casa às vezes alguém da família faz algo errado, porque aqui não pode acontecer, a gente luta para não acontecer — afirmou Bolsonaro.

Segundo compromisso do dia também tem tom de campanha O tom de campanha continuou no segundo compromisso de Bolsonaro do dia, em Jardim de Piranhas. Ele repetiu trechos do discurso anterior, em Jucurutu, e também afirmou:

— Os ladrões de ontem querem voltar por ocasião das eleições de outubro que se aproximam. E a gente mostra o que eles fizeram. Não estamos criticando nenhum governo anterior. Estamos mostrando números.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Izalci diz que aumento de tributos sobre venda de imóveis é ‘tiro no pé’

O senador Izalci Lucas (PL-DF) criticou, em pronunciamento nesta quarta-feira (17), o projeto de regulamentação da reforma tributária, já aprovado na Câmara. Ele considera...

Prorrogado funcionamento de comissão temporária sobre inteligência artificial

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, prorrogou nesta quarta-feira (17), por mais 60 dias, o prazo de funcionamento da Comissão Temporária Interna sobre Inteligência...

Zenaide Maia critica reforma tributária e isenções de impostos

A senadora Zenaide Maia (PSD-RN), em pronunciamento nesta quarta-feira (17), criticou o texto do Projeto de Lei Complementar (PLP 68/24) de regulamentação da reforma...

Corpo de Bombeiros segue combatendo incêndio no Pantanal nesta quarta-feira (17)

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso segue combatendo um incêndio que atinge a região de Porto Conceição, em Cáceres, nesta quarta-feira (17.07)....